sábado, 10 de abril de 2010

Preciosidade roots.

A garota-mulher que dançou twist
com minha alma
é aquela que trilha por versos
eu a amo e desisti de me conhecer
compadeci, virei poesia de dois
e meus cabelos estão alegres.

É inverno. Tudo é terno.

Sinto. Cada gravidade da música
faço parte dela, soul humano
e tenho saudades.
POR-QUE-ESSA-PORRA?

Na levada da dança,
acho o brilho do inverno
não canso de olhar o céu
lá algo há, paz de lá se colhe no pé
cheira orvalho da manhã
plantei a semente,
preciso (é) ter fé.

Amá-la em exaustão.
Amá - la em exaustão.
Levá-la a exaustão...

Obrigado.
Estou me sentindo violentamente feliz.

6 comentários:

  1. PEDRADA ROOTS IRMÃO...
    (R)EVOLUÇÃO PRESENTE!
    JAH ABENÇOA --- ESTAMOS JUNTOS

    ResponderExcluir
  2. a frase final é duca, hein. Violentamente feliz.

    ResponderExcluir